Vizinhança do Barulho (Don`T Be A Menace) , filme de comédia de 1995 estrelado pelos irmãos Wayans (Todo Mundo em Pânico; As Branquelas; Eu, A Patroa e as Crianças). Têm como elenco Shawn Wayns, Marlon Wayans, Tracey Cherelle, Suli Mcculloug, Darrell Heath, Helen Martin e Isaiah Barnes. É um filme de uma hora e meia, […]

Por:

Vizinhança do Barulho (Don`T Be A Menace) , filme de comédia de 1995 estrelado pelos irmãos Wayans (Todo Mundo em Pânico; As Branquelas; Eu, A Patroa e as Crianças). Têm como elenco Shawn Wayns, Marlon Wayans, Tracey Cherelle, Suli Mcculloug, Darrell Heath, Helen Martin e Isaiah Barnes. É um filme de uma hora e meia, legal de assistir, e passa rápido, eu já assisti várias vezes e quando tinha gente desanimada que não tinha o que salvar passei ele e deu uma animada, alguns tiveram que ver mais de uma vez até. É aquele filme com título de Sessão da Tarde, que não combina com a Sessão da Tarde dos dias de hoje, que só passa filme ruim, mas combina com os filmes Sessão da Tarde de antigamente, muito bom. Têm até o complemento de títulos deste tipo de filme: “do barulho”.
É um filme daquele estilo Wayans, com humor negro literalmente. E como em vários desses filmes que não me lembro nomes mas são algo como “Um Churrasco do Barulho”, “Barbearia do Barulho”, filmes do Ice Cube e outros, neste filme também é em uma vizinhança, da pra notar pelo título. O filme é antigo então quem não viu fazer o que, lá vai o spoiler. O personagem principal é deixado pela mãe no começo do filme, para morar com o pai. Mas o estranho é que o pai dele é mais novo do que ele. Ele têm um primo vagabundo que pensa que é gangster, seu primo têm dois amigos, um dançarino de cadeira de rodas e um cara que quer dar uma de intelectual. O filme tira sarro dessa coisa de gangues e da vida em um “lugar não tão bom pra viver”.
Um dos irmãos Wayans que não me lembro o nome também faz uma participação no filme como o carteiro e se não me engano também é o diretor. O filme têm muitas partes engraçadas, como o cara que “sobreviveu” a vida no bairro e é respeitado pelos caras do filme, mas vive com a mãe e está de castigo. Uma pequena parte estilo “guerra fria” de gangues, onde o primo do protagonista têm um míssil dentro do caminhão de sorvete (a locomoção do grupo de amigos) e isso quando está apenas saindo pra ir na loja de bebidas, que também têm a cena dos chineses que acham que eles são bandidos, e na mesma cena aparece o assasino do filme. A vó do cara principal do filme é uma maconheira. E o cara de tão fudido casa com uma mulher que já era mãe de uns 10 filhos de pais diferentes. Mas tudo isso você só vai entender quando assistir ou se já assistiu, até porque eu nem me lembro os nomes dos personagens, então já é mais difícil ainda de entender.

O filme é muito engraçado e eu recomendo, a história geral nem importa muito e eu não acho que faça muito sentido, mas o objetivo do personagem é se mudar daquele lugar que ele foi viver depois da mãe deixa-lo lá. No final do filme têm a cena do tiroteio e um pouco antes do final têm a cena do primo do protagonista fazendo um bolo, mas o jeito que mostram a cena parece outra coisa. Eu acho que o cara mais engraçado do filme é o primo do protagonista, mas tanto faz quem é o protagonista nesse tipo de filme. Este filme é como se fosse o avô do “Todo Mundo Em Pânico”, pelo menos eu vejo assim.

Então é isso, veja o filme quem não viu, e quem já viu veja de novo. Eu já vi várias vezes.


Opinião de usuários