“Akira“, incrível animação japonesa de 1988 e que eu recomendo fortemente que você assista e pesquise/leia algo sobre, teve os direitos para o cinema live-action adquiridos em 2008, vinte anos após o lançamento do anime. Mas o filme até agora não tinha autorização para ser filmado pela detentora dos direitos, a Warner Bros., mas agora […]

Por:

Akira“, incrível animação japonesa de 1988 e que eu recomendo fortemente que você assista e pesquise/leia algo sobre, teve os direitos para o cinema live-action adquiridos em 2008, vinte anos após o lançamento do anime. Mas o filme até agora não tinha autorização para ser filmado pela detentora dos direitos, a Warner Bros., mas agora é oficial, a Warner deu confirmação para o início das gravações de Akira, o live-action.

As filmagens provavelmente começarão em março de 2012 e com US$ 90 milhões para os caras fazerem o que puderem para produzir o filme. Só espero que façam o máximo, e façam bem. Pois com frequência os americanos fazem porcarias e cagam com as obras primas japonesas, é só ver os filmes de terror refilmados por eles, alguns filmes de drama/gangsters (um em específico, mas prefiro não citar, pelo fato que a maioria vai discordar de mim e por eu ser fã do diretor apesar disso), e principalmente a porcaria que foi o filme Dragon Ball Evolution. Também vem aí a refilmagem do filme coreano Oldboy, que será dirigida por Spike Lee, torçamos para que seja bom. Tomara que não caguem com o legado de “Akira”, mas vamos ser otimistas. :D

O protagonísta de “Akira” é Kaneda e provavelmente será interpretado por Garrett Hedlun de “Tron: O Legado“ (já desanimei por aqui) e será dirigido por Jaume Collet-Serra, diretor de “A Casa de Cera“.

“Akira” é um filme pós-apocaliptico que conta a história de Tetsuo e Kaneda, jovens de uma gangue de motoqueiros da reconstruída Neo-Tóquio, pois esta foi destruída na 3º Guerra Mundial. Akira é um projeto governamental que envolve crianças com poderes psíquicos e físicos, na tentativa de pesquisar mais sobre o fenômeno e desenvolver estes poderes em prol do governo. O filme é revolucionário na história e nas técnicas de animação, foi uma das poucas e talvez a primeira a ter 64 quadros por segundo, desenhados e coloridos um à um, em tamanho gigante. Se você acha que alta definição é coisa de agora, que animações antigas não tinham tanta perfeição quanto às atuais, assista o blu-ray de “Akira” e verá o que realmente é alta definição. É um dos maiores filmes de animação japonesa, se não a maior, de todos os tempos. Recomendo também que assitam Ghost in the Shell.


Opinião de usuários